quinta-feira, 5 de maio de 2016

O significado do riso

Estudos sobre o significado do riso têm ocorrido desde a Antiguidade grega. O assunto tem fascinado inúmeros pesquisadores ao longo da história humana [2].

Alguns fatos já são bem estabelecidos na literatura sobre o riso. O riso é uma vocalização não-verbal comum que se manifesta universalmente através de uma ampla variedade de contextos, e é frequentemente associada com a intenção pró-social e emoções positivas, embora também possa ser usado de uma maneira negativa. O riso é um evento inerentemente social visto que as pessoas são até 30 vezes mais propensas a rir em contextos sociais do que quando estão sozinhas. O riso simultâneo entre indivíduos ocorre com frequência variável em função da composição por sexo e relacionamento do grupo: amigos riem juntos mais do que com estranhos, grupos de amigas tendem a rir mais do que grupos de amigos ou do que grupos mistos [3].

Agora, pesquisadores de duas dezenas de países, inovaram na pesquisa do assunto, ao investigar a percepção das pessoas que observam o sorriso simultâneo de pares de pessoas, isto é, o que se abstrai sobre um evento social comum em que duas pessoas estão rindo juntas [3].

Os autores examinaram (i) se ouvintes em todo o mundo podem determinar o grau de proximidade social entre pares de pessoas apenas com base em gravações breves e descontextualizadas de riso simultâneo de duas pessoas, e (ii) quais as características acústicas presentes nos risos que podem influenciar tais julgamentos.

Em uma amostra de 966 participantes de 24 países diferentes, as pessoas distinguiram se os pares eram de amigos ou de estranhos com uma precisão de 53-67%. As análises acústicas dos segmentos de risos individuais revelaram que, em todas as culturas (países), o julgamento dos ouvintes foi consistentemente previsto por expressarem uma dinâmica de espontaneidade.

A conclusão do trabalho foi que risos simultâneos de pares de pessoas proporcionam que sejam feitas avaliações rápidas e precisas de ligação entre as pessoas que transcendem as fronteiras culturais e linguísticas, e podem se constituir um meio universal de sinalização de relações de cooperação.

Esses resultados sugerem que riso simultâneo de duas pessoas é universalmente perceptível como um indicador confiável da qualidade do relacionamento, e contribui para a nossa compreensão de como o comportamento comunicativo não-verbal pode ter facilitado a evolução da cooperação humana.

[1] Crédito da imagem: Pixabay / Creative Commons.
[2] JF Teixeira. Os Filósofos, o Riso e a Neurociência. Revista Filosofia. Disponível em http://filosofiacienciaevida.uol.com.br/ESFI/Edicoes/37/artigo144580-1.asp. Acesso: 14 de abril (2016).
[3] GA Bryant et al. Detecting affiliation in colaughter across 24 societies. Proceedings of the National Academy of Sciences. Published online 11 April (2016).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI O SEU RECADO DEMOCRÁTICO!!!

Atenção: O espacodemocratico3.blogspot.com.br não se responsabiliza por opiniões aqui expressas; pela autenticidade dos comentários e menos ainda por ilações que internautas façam em relação a outros comentários ou comentaristas. As opiniões aqui expressas não refletem, obrigatoriamente, a opinião do blog espacodemocratico3.blogspot.com.br. Este é um espaço democrático e aberto a todos que queiram manifestar suas opiniões. Comentários ofensivos ou de baixo calão serão sumariamente deletados.

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES