quinta-feira, 26 de junho de 2014

Habeas Corpus determina soltura da mulher e da irmã de Sukita




Elas estavam presas desde o dia 03 de junho.
Prisão foi feita durante Operação Policial POP.

Do G1 SE
 
O Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em Recife, concedeu na manhã desta quinta-feira (26), um habeas corpus que determina a soltura de Silvanir Yanina Mamlak e de Clara Miranir Santos, mulher e irmã do ex-prefeito de Capela, Manoel Messias Santos, o Sukita ,que foram presas no dia 03 junho, juntamente com o ex-prefeito e o ex-secretário de finanças durante a Operação POP, deflagrada pelas Polícias Civil e Federal. Os investigados são suspeitos de crimes de responsabilidade e lavagem de dinheiro.

O Tribunal também negou o pedido de soltura do ex-secretário de finanças de Capela, José Edivaldo dos Santos. Já o habeas corpus do ex-prefeito Sukita ainda não foi julgado.

Emanuel Cacho, advogado do ex-prefeito, acompanhou os julgamentos em Recife. Logo após, ele embarcou para Brasília, onde deverá dar entrada no Superior Tribunal de Justiça (STJ) para solicitar a liberdade do seu cliente.“Estou muito confiante em um desfecho positivo, pois a prisão dele foi totalmente desnecessária. Sukita pode responder em liberdade sem qualquer problema”, argumenta Emanuel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI O SEU RECADO DEMOCRÁTICO!!!

Atenção: O espacodemocratico3.blogspot.com.br não se responsabiliza por opiniões aqui expressas; pela autenticidade dos comentários e menos ainda por ilações que internautas façam em relação a outros comentários ou comentaristas. As opiniões aqui expressas não refletem, obrigatoriamente, a opinião do blog espacodemocratico3.blogspot.com.br. Este é um espaço democrático e aberto a todos que queiram manifestar suas opiniões. Comentários ofensivos ou de baixo calão serão sumariamente deletados.

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES