segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Trump é criticado por chamar Obama de muçulmano e ofender a religião

Hillary Clinton e os democratas criticaram fortemente Donald Trump, que, em um comício, deu a palavra a um homem que afirmou que o presidente Barack Obama é muçulmano e que é preciso se livrar das pessoas desta crença.
Em um ato público na quinta-feira em Rochester, New Hampshire (nordeste), Trump, candidato às primárias republicanas na corrida pela Casa Branca, aceitou perguntas do público. O primeiro homem a tomar a palavra lhe perguntou:

"Temos um problema neste país: se chama muçulmanos. Sabemos que nosso presidente atual é um deles, não é nem mesmo americano..." disse o homem.

Trump riu e o interrompeu para dizer "Precisamos desta pergunta. Esta é a primeira pergunta".

"De qualquer forma, temos campos de treinamento onde querem nos matar", retomou a palavra o homem. "Esta é a minha pergunta: quando podemos nos livrar deles?".

"Vamos nos interessar por isto e por muitas outras coisas", respondeu Trump.

A resposta evasiva do magnata do setor imobiliário desencadeou a polêmica. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE AQUI O SEU RECADO DEMOCRÁTICO!!!

Atenção: O espacodemocratico3.blogspot.com.br não se responsabiliza por opiniões aqui expressas; pela autenticidade dos comentários e menos ainda por ilações que internautas façam em relação a outros comentários ou comentaristas. As opiniões aqui expressas não refletem, obrigatoriamente, a opinião do blog espacodemocratico3.blogspot.com.br. Este é um espaço democrático e aberto a todos que queiram manifestar suas opiniões. Comentários ofensivos ou de baixo calão serão sumariamente deletados.

RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES